ode ao bufão

Afagar todos os vícios
Demolir resquícios
Remover palhas e aplaudir falhas
Sair a procurar solstícios
Cantar todas as perdas
Reverenciar os próprios riscos
Carregar tralhas como se fossem migalhas
Isso sim
É o mais difícil.
 
Flávio Boaventura (poeta belorizontino)

Lançado em 12/05/2008

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: