desassossego

Escrever é o cego
na feira
faça sol ou chuva faça
entoando seu martelo
ou
a goteira a noite inteira
pingapingando
no meu cerebelo

Escrever é prelo
Eterna espera
De ver impresso
o íntimo caderno
poeira de anos
e eu ainda pensando
em ser moderno

Escrever é renegar
O superego
Escavar até chegar
ao desapego

Escrever é
grego antigregário
desassossego

Getúlio Maia

Tags:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.


%d blogueiros gostam disto: