Archive for the ‘Marize Castro’ Category

Meu Segredo

09/11/2009

Silêncio: ouço chegar o fogo.
Ofereço-lhe a minha casa e o meu zelo.

Lá fora o mundo chora
– essa dor é o meu segredo.

Namoro a flor que tocou o pássaro que tocou a noite que tocou o amor.

Marize Castro

Anúncios

outras pérolas

14/07/2009

Porque o ódio não me pertence, eu não odeio.
Crivo-me de ternura.
 
Evoco o meu destino.
Sagradas catedrais, protejam-me.
 
Doce ainda é o meu coração ajoelhado.
Doce ainda é a minha alma golpeada.
 
A juventude se despede
e outras pérolas aproximam-se.
 
Sábias, com esmero.
 
Metade flor. Metade espelho. 
 
Marize Castro – poeta potiguar

Lançado em 25/08/2008